Veja 4 principais tecnologias da indústria 4.0!

Principais tecnologias da indústria 4.0

A nova geração de negócios do setor industrial é marcada por um grande número de soluções tecnológicas. As chamadas tecnologias da indústria 4.0 estão revolucionando a maneira como o setor atua. Mais dados são utilizados para planejar processos e criar produtos dinâmicos, modernos e com baixo custo.

Justamente por isso, é fundamental se manter preparado para alinhar rotinas e garantir que os investimentos sejam capazes de transformar a indústria em uma empresa moderna. Quer saber como isso pode ser feito? Então veja a seguir as principais tecnologias da indústria 4.0!

Principais tecnologias da indústria 4.0: a lista

1. Big Data

O Big Data é uma tecnologia de análise de dados que está dominando vários setores da economia. Ela é utilizada para identificar tendências, prever cenários e avaliar fatores combinando um número muito maior de registros. Isso é possível graças ao uso de algoritmos de processamento, armazenamento e gestão de informações complexas e de alta performance.

Por meio do Big Data, o gestor consegue, por exemplo, identificar com precisão pontos da cadeia operacional que demandam melhorias. Avaliando os indicadores, ele consegue detectar padrões e solucionar erros facilmente. Além disso, torna-se mais fácil identificar o impacto potencial de cada medida e evitar investimentos de baixa qualidade.

2. Internet das Coisas

Na indústria 4.0, a Internet das Coisas (ou apenas IoT, Internet of Things), é algo crucial. Os sensores inteligentes desempenham um papel de destaque no ambiente corporativo, permitindo que profissionais acompanhem processos de modo preciso e abrangente. Ao mesmo tempo, tornam os fluxos de trabalho mais automatizados e econômicos.

No processo de manutenção preventiva, por exemplo, a IoT pode ser aplicada para evitar que falhas não sejam identificadas. A partir da avaliação dos dados de funcionamento das máquinas, o gestor poderá identificar rapidamente problemas. Isso tornará os processos de manutenção preventiva mais eficazes e capazes de economizar recursos.

3. Cibersegurança avançada

A indústria 4.0 não está imune a ataques digitais, pelo contrário. Quanto mais a TI é levada para o centro das operações desse tipo de empresa, maiores são os riscos de problemas ocorrerem.

Por isso, o investimento em segurança deve ser aplicado de modo abrangente. A empresa precisará aplicar mecanismos de monitoramento que incorporem todos os dispositivos conectados à rede. Dessa maneira, brechas serão encontradas e bloqueadas com muito mais precisão.

4. Realidade virtual

Indústrias trabalham continuamente com a formulação de novos produtos. Utilizando a realidade virtual, o projetista consegue tornar a sua atividade mais precisa e inovadora.

Durante o planejamento de uma peça, por exemplo, ela poderá ser visualizada em um modelo 3D interativo. Dessa maneira, menos testes físicos serão realizados, economizando recursos e tornando o desenvolvimento mais preciso.

A indústria 4.0 é a nova geração de empresas do setor industrial. Mais modernas, integradas e dinâmicas, elas utilizam dados digitais para atender a demandas externas e tecnologias em todas as suas etapas. Dessa maneira, conseguem se manter inovadoras e a frente da concorrência.

Conhecer as principais tecnologias da indústria 4.0 é algo crítico para quem trabalha no setor. Afinal, isso permite a gestores realizarem investimentos de qualidade, que consigam colocar a TI no centro das operações da empresa. Dessa forma, o time poderá reduzir custos, melhorar o nível de flexibilidade e garantir um ótimo direcionamento de recursos.

Quer saber mais sobre como a tecnologia pode auxiliar a sua empresa a atingir melhores resultados? Então fale com a gente!