Samsung bate Apple em consumidores fiéis

5 reclamações da TI em relação aos produtos Apple
8 de fevereiro de 2013
Yahoo e Google firmam parceria em anúncios
9 de fevereiro de 2013

Deu pra ti, Apple. Um estudo divulgado pela consultoria de marcas Brand Keys mostra que a Samsung agora é primeira colocada em fidelidade dos consumidores.

Cavalinho preto toma a dianteira.

A companhia liderou o estudo “2013 Consumer Loyalty Engagement Index” no quesito de laptops e smartphones, “campinho” que até então a arquirival Apple era a dona.

Logo no encalço da Apple, estão LG, Nokia, Sony, Motorola e HTC. A Blackberry, que recentemente lançou seu novo sistema operacional Blackberry 10 e novos telefones para recuperar o mercado perdido, ficou em sétimo.

Além disso, a Samsung também ficou no topo entre a preferência dos consumidores para televisores de tela plana, destaca o site internacional Venture Beat.

Feita com cerca de 39 mil pessoas, basicamente no território norte-americano, a pesquisa da Brand Keys chega para trincar mais um pouco a imagem da Apple, que embora venceu a Samsung em processo de patentes no ano passado, está levando pancadas sucessivas da coreana no mercado.

No setor de tablets, Samsung e Apple ficaram empatadas em segundo lugar, perdendo para a Amazon, que lidera o mercado com o Kindle Fire. A gigante do e-commerce também foi a preferida no ranking de e-readers.

EITA

O desaquecimento das vendas do iPhone 5 é um forte indício para explicar este resultado. A Apple não atingiu a marca de 65 milhões de unidades vendidas, meta estabelecida para os três primeiros meses após o lançamento.

Enquanto isso, o Samsung Galaxy SIII, lançado em maio, atingiu cerca de 40 milhões de aparelho comercializados até o final de 2012.

No terceiro trimestre de 2012, a Apple registrou uma participação de 14,6% no mercado mundial de smartphones, sendo que em 2011 a empresa contava com uma fatia de 23%.

A Samsung, por sua vez, subiu de 8,8% em 2010 para impressionantes 31,3% no último ano, registrando um lucro de US$ 8,5 bilhões.

Em janeiro, a empresa fundada por Steve Jobs deixou de ser a marca mais valiosa do mundo, após uma queda de 2,36% em ações, que ficaram cotadas a US$ 439,88, totalizando um valor de US$ 413,04 bilhões.

A nova líder, a gigante dos combustíveis Exxon Mobile, registrou em janeiro um valor de mercado de US$ 418,23 bilhões, retomando o cargo que ocupava de 2005 até 2011, quando foi desbancada pela Apple.

Além disso, O iPhone está deixando de ser “legal”, segundo a opinião dos adolescentes, aponta uma pesquisa realizada pela agência norte-americana Buzz Marketing Group e divulgada pela revista Forbes.

Segundo destaca a Forbes, o público adolescente não está interessado em “ter o mesmo smartphone que seus pais ou dentistas”.

“Eles querem o mais recente e inovador telefone, que também se identifique com o seu perfil”, destaca Larissa Faw, analista da publicação norte-americana.

Fonte: http://www.baguete.com.br/noticias/07/02/2013/samsung-bate-apple-em-consumidores-fieis