Planejamento de produção: qual é a sua importância e como elaborá-lo?

Como o SAP Business One pode auxiliar na gestão de compras?
7 de janeiro de 2021

Para aprimorar a eficiência da cadeia produtiva, nada mais importante do que um bom planejamento de produção. Quando bem feito, ele aumenta a eficiência dos processos e ajuda a lidar com imprevistos e aproveitar oportunidades que podem surgir de forma inesperada.

Se a sua empresa ainda não utiliza essa ferramenta para a gestão da produção, confira este conteúdo e reveja as práticas adotadas. Assim, você pode promover as mudanças necessárias para modernizar a rotina de produção.

Neste post, explicamos a importância do planejamento de produção e apresentamos os principais passos para implementar essa ferramenta na rotina do seu negócio.

Por que implementar o planejamento de produção?

Trabalhar com processos produtivos sem um planejamento que forneça uma previsão de demanda, frequentemente, leva ao desperdício de insumos e de tempo da equipe. Com relação a isso, o planejamento de produção oferece um diferencial competitivo.

A partir do uso e compartilhamento de informações precisas sobre a demanda prevista, os insumos disponíveis e os prazos para entregas, as diferentes equipes responsáveis pela produção têm mais previsibilidade sobre os passos necessários para realizar as entregas programadas.

Essa previsibilidade se faz ainda mais importante em cenários de instabilidade econômica e com tendências de mudança no consumo. Assim, ela viabiliza a reprogramação da produção para atender a novas demandas e pedidos urgentes, ou para priorizar os clientes mais importantes para a empresa.

Desse modo, o planejamento de produção é uma ferramenta essencial para aumentar a eficiência da produção, reduzindo o desperdício e aumentando a lucratividade. Dado que o planejamento deve envolver diversos setores da cadeia de produção, outro benefício direto reside na integração das equipes que trabalham de forma síncrona para aproveitar melhor os recursos da empresa.

Por fim, podemos destacar que uma empresa que adota o planejamento de produção está investindo na valorização da sua marca, atendendo a expectativas internas, de funcionários e colaboradores, e externas, de clientes e investidores.

Como implementá-lo no seu negócio?

Elaborar um planejamento de produção não precisa ser uma tarefa complexa. Com alguns passos simples, é possível criar um planejamento eficiente. Acompanhe os mais importantes a seguir.

Faça o mapeamento das etapas de produção

O primeiro passo deve ser o mapeamento das etapas de produção. Isso envolve a consideração dos recursos materiais e humanos, a estimativa de tempo gasto em cada uma das etapas e o prazo médio para cada tipo de entrega. O mapeamento pode ser feito a partir do levantamento do histórico de produção e da criação de um fluxograma que ilustra, de forma sequencial, cada uma das etapas envolvidas.

Crie um roteiro de produção

A produção do roteiro é, basicamente, uma continuidade do fluxograma elaborado na etapa anterior. A diferença é que ele deve detalhar questões como insumos disponíveis, equipes responsáveis por cada etapa, maquinário, espaço e quaisquer outras questões logísticas relevantes para planejar o sequenciamento da produção.

Monitore os processos produtivos

Sem monitorar e mensurar os resultados do planejamento de produção, será impossível afirmar que a prática está gerando resultados. Para isso, gestores responsáveis pela eficiência da produção devem escolher métricas que permitam acompanhar a produção e que auxiliem na identificação de falhas a serem corrigidas. Realizar reuniões periódicas com as diferentes equipes de trabalho também é uma excelente forma de acompanhar os resultados dos processos produtivos.

Adote um software de gestão

Mesmo as pequenas e médias empresas já têm acesso a várias opções de softwares de gestão ERP (Enterprise Resource Planning) para automatizar e controlar os processos internos.

Com um software adequado, é possível centralizar informações que ajudam nas decisões estratégicas, controlar o estoque, realizar a gestão contábil e fiscal, entre várias outras atividades. Os softwares ainda auxiliam na integração de equipes, ao facilitar o acesso e a circulação de informações importantes para o trabalho.

Para escolher o software que melhor vai atender a sua empresa, algumas dicas podem ajudar:

  • analise as necessidades da empresa, avaliando pontos fortes e fracos;
  • considere a possibilidade de customização para melhor atender às necessidades;
  • pesquise o histórico e os cases de sucesso do software com outras empresas;
  • considere a necessidade de integração com outras ferramentas;
  • pondere sobre o custo-benefício das opções disponíveis.

Com isso, podemos concluir, destacando que o planejamento de produção será um diferencial para o futuro das pequenas e médias empresas e das indústrias. Para que o resultado do planejamento seja ainda melhor, adotar ferramentas tecnológicas e acompanhar as tendências do mercado é essencial.

Para se manter sempre atualizado sobre as tendências e ter acesso a informações que vão ajudar a preparar o planejamento de produção, não deixe de assinar a nossa newsletter para receber conteúdos exclusivos. Assim, podemos ajudar sua empresa a chegar ainda mais longe!