Gestão de qualidade: 6 dicas para mantê-la após crescer

gestao estrategica
Saiba como tornar a sua gestão estratégica em 7 passos
20 de novembro de 2018
Metodologia PMBOK: saiba o que é e quais são seus benefícios
21 de novembro de 2018

Manter a gestão de qualidade em uma empresa que está em franco desenvolvimento não é tarefa simples. Enquanto o negócio ainda é pequeno, fica fácil fazer isso e manter a satisfação dos clientes. Entretanto, quando seu crescimento se inicia, outros problemas surgem e demandam a atenção dos gestores.

Então, como manter a qualidade da organização durante e após o seu avanço? É o que vamos mostrar neste artigo! Continue a leitura e confira as 6 dicas que preparamos.

1. Mantenha o envolvimento dos colaboradores sempre ativo

Um dos passos mais importantes é manter os colaboradores sempre envolvidos em seu negócio. Isso porque você, enquanto gestor, não terá mais tempo suficiente para cuidar das demandas da empresa em crescimento e de questões mais simples e cotidianas.

Assim, será necessário ter ao seu lado pessoas comprometidas, capazes, criativas e com senso de liderança para manter o cliente o mais próximo possível. Dessa forma, o fato de você ter se ausentado um pouco de tais funções não será sentido pelo público, pois ele terá o amparo e o atendimento dos seus colaboradores.

Entretanto, para que isso ocorra de forma eficiente, é necessário dar atenção à dica número 2 — que você lerá a seguir.

2. Ofereça treinamentos à equipe

Para que o envolvimento dos colaboradores seja maior e o relacionamento com os clientes permaneça o mais próximo possível, será necessário oferecer treinamentos à equipe.

É preciso entender que cada indivíduo tem características muito próprias e, em alguns casos, distintas umas das outras. Portanto, não adianta tentar ensinar um colaborador a lidar com o cliente de determinada forma se o seu perfil é completamente o oposto daquele que o gestor está tentando impor.

Compreenda a individualidade e saiba extrair o que há de melhor em cada um, além de descobrir como suas habilidades podem contribuir para a empresa. A forma mais simples e eficiente de garantir isso é realizando treinamentos.

Os cursos têm por objetivo padronizar o modo de atendimento adotado pelos colaboradores e alinhá-los o máximo possível com as culturas e políticas da empresa.

3. Realize pesquisas de satisfação entre os clientes

Outro detalhe muito importante é investir na realização de pesquisas de satisfação com o público. Esses procedimentos ajudarão a identificar se as pessoas continuam satisfeitas com o atendimento, os produtos e os serviços oferecidos pelo seu negócio.

Entretanto, é importante extrair os dados e analisá-los. Se não puderem ser verificados, avaliados, medidos e, principalmente, comparados a períodos anteriores, os números não significam nada.

As pesquisas podem ser realizadas em várias situações, seja a partir de ligações para clientes antigos, seja com o envio de questionários por e-mail ou mensagens de texto no celular. Porém, uma forma muito eficiente de se fazer isso é no momento seguinte à efetivação da compra, ou seja, no pós-venda.

Nesse caso, se houver alguma reclamação a ser registrada, você terá a opinião do cliente no momento imediato do fato ocorrido. Assim, a pessoa fará sua avaliação ainda motivada pela lembrança do que aconteceu durante o atendimento — seja ela boa ou ruim.

O importante é que tais dados sejam extraídos no momento da experiência. Dessa forma, as informações serão bem precisas e você terá mais detalhes sobre a opinião do público, podendo utilizá-la para melhorar a gestão de qualidade do seu negócio.

4. Analise métricas de desempenho em seu negócio

Ainda no campo da análise de dados, é importante verificar as métricas de desempenho do seu negócio. Elas também podem mostrar se a gestão de qualidade da empresa está sendo penalizada pelos processos de expansão.

Você terá como avaliar o número de vendas da equipe, as devoluções (e seus motivos) e a quantidade de clientes que entrou na loja, mas não efetuou compras. Com base nessas informações, é possível analisar gargalos que estão passando despercebidos e resolvê-los antes que gerem problemas mais sérios ou impactem diretamente nos resultados obtidos pela empresa.

5. Identifique e corrija falhas

À medida que um negócio vai crescendo, é impossível não identificar falhas capazes de atrapalhar processos que vinham sendo executados de forma natural quando ele ainda era pequeno ou médio.

Nesse ponto, o importante é saber identificar e, principalmente, corrigir tais falhas. Se possível, evite que elas venham a acontecer. Em determinados casos, esses erros podem estar relacionados à forma com que algum colaborador desempenha as suas atividades (outros, porém, não são gerados pela equipe).

As falhas também costumam surgir em decorrência de equívocos nos procedimentos internos da sua empresa. Suponhamos que exista um erro no processo de cobrança dos clientes. Anteriormente, esse procedimento era feito por telefone, com ligações periódicas.

Porém, sabemos que, à medida que uma empresa cresce, tal tipo de problema também tende a aumentar. Nesse caso, o processo antigo, que era realizado de forma arcaica, deve ser substituído por sistemas tecnológicos, que entregam o trabalho com mais eficiência e rapidez.

Esse é somente um simples exemplo que pode ocorrer em uma companhia que está crescendo. Independentemente das falhas que ocorrerem em seu negócio, é importante que elas sejam identificadas e devidamente solucionadas.

6. Saiba construir bons relacionamentos

Por fim, a dica mais importante é: construa bons relacionamentos com seus clientes, fornecedores e parceiros. Tomando tal cuidado, essas pessoas entenderão que o negócio está passando por um processo de mudança e, principalmente, verão que você está empenhado em melhorar cada um dos pontos da empresa.

A construção de bons relacionamentos é a chave para a manutenção da gestão de qualidade. Essa recomendação independe do momento em que o negócio está vivendo: pode ser uma etapa da expansão e do desenvolvimento de novos produtos ou, até mesmo, aquele período mais delicado e difícil.

Com as estratégias corretas, manter a gestão de qualidade em uma empresa que está crescendo será uma tarefa menos árdua. Como resultado, serão proporcionados mais ganhos em um espaço de tempo reduzido.

Gostou do nosso artigo? Que tal conferir também o nosso guia sobre Governança Corporativa? Aproveite!