Confira como utilizar ERPs para beneficiar a automação nas indústrias

Relatórios
Como os relatórios de ERP ajudam no controle financeiro da empresa?
22 de julho de 2019
Gestão de Processos
Gestão de processos: como identificar falhas e melhorias?
29 de julho de 2019
Automação nas indústrias

Desde a década passada os ERPs têm se tornado aliados importantíssimos para os negócios em todo o mundo. À medida que a automação nas indústrias avança, eles se tornam ferramentas essenciais para manter a competitividade no mercado. Afinal, eles são capazes de automatizar várias tarefas repetitivas que antigamente eram executadas por pessoas em uma velocidade muito mais lenta do que as máquinas são capazes de fazer.

Os ERPs são sistemas completos, com praticamente todas as funcionalidades de gerenciamento que a sua empresa pode precisar em todos os setores, como RH, desenvolvimento de produtos, finanças etc. Para que você entenda melhor esse cenário de evolução tecnológica na gestão das indústrias, listamos algumas informações importantes. Acompanhe!

Como os ERPs são utilizados na automação nas indústrias?

Uma solução completa de ERP tem como principal objetivo a simplificação e a padronização dos processos de todo o tipo de negócio, desde pequenas e médias empresas até grandes indústrias. Tudo isso é possível graças à automação dos processos e à centralização de praticamente todas as atividades de gestão da sua empresa.

Em vez de contar com várias ferramentas para o gerenciamento de tarefas, você terá, em uma mesma plataforma, diversos módulos que podem ser utilizados nos mais variados setores.

Com isso, suas equipes ganham mais visibilidade de todos os dados disponíveis, além de contar com funcionalidades para facilitar os processos de setores, como:

  • desenvolvimento;
  • estoque;
  • compras;
  • produção;
  • finanças;
  • vendas;
  • transporte etc.

Uma vantagem dessa centralização é que todos os funcionários podem monitorar o status da produção em tempo real sem depender exclusivamente de um indivíduo ou de uma equipe. Isso não significa que não haverá um time dedicado ao controle da produção, mas que, além dele, várias outras pessoas poderão verificar esse ponto enquanto estiverem executando suas tarefas.

A equipe de desenvolvimento de projetos, por exemplo, pode monitorar o progresso da produção de seus novos produtos e atualizar os times de compras e finanças sobre a necessidade de insumos adicionais. Sem o ERP ela teria que pedir à equipe de gerenciamento as informações, esperar até a requisição ser atendida para, então, fazer requerimentos ao setor de compras. Isso torna os processos muito mais burocráticos e demorados.

O ERP gera eficiência à linha de produção das indústrias, melhorando a produtividade e ajudando todas as partes a manter seus compromissos em dia. Além disso, a automação gera menos dependência de processos manuais, o que agrega alguns benefícios.

Quais são os benefícios oferecidos pelos ERP?

A seguir, listamos as principais vantagens de contar com um ERP. Confira!

Redução de erros

Nas indústrias, há muitas tarefas repetitivas e simples que exigem um grau de atenção muito alto dos seus funcionários. No entanto, a cognição humana tem uma dificuldade muito grande para executá-las, pois com o tempo, ela perde a concentração em alguns detalhes. Por isso, erros humanos acabam sendo cometidos mesmo que seus colaboradores tenham feito aquela tarefa com muito cuidado.

As máquinas, entretanto, são perfeitas para esse tipo de tarefa, pois podem realizá-las 24 horas por dia, 7 dias por semana, sem uma redução no desempenho. Por isso, a grande tendência das indústrias contemporâneas é deixar funções que demandam criatividade, resolutividade e inteligência para os seres humanos, enquanto as atividades simples e repetitivas são delegadas para as máquinas.

Cumprimento de metas

Outra funcionalidade muito interessante dos ERPs é o agendamento de tarefas. Com eles você pode programar a execução periódica de determinadas tarefas, como fechamento de caixa e conferência de estoque. Assim, a máquina vai fazê-las automaticamente, sem a necessidade de um novo comando humano. Isso permite que algumas metas de gestão sejam cumpridas mais rapidamente.

Além disso, em outros setores é possível programar lembretes que são enviados por SMS ou e-mail para os funcionários, de modo que eles não se esqueçam de suas tarefas. Por fim, ainda é interessante falar sobre as funcionalidades de monitoramento de métricas e indicadores. Geralmente, a própria plataforma já contém um painel com os principais indicadores utilizados nas indústrias e que são atualizados em tempo real.

Otimização produtiva

A coordenação das atividades industriais demanda bastante comunicação, e o ERP pode facilitar esse trabalho. Além de muitas plataformas contarem com chats e fóruns para que todas as partes se comuniquem sobre o andamento das tarefas, algumas também mandam avisos automáticos quando determinada ação está concluída. Isso gera muito fluidez ao processo, pois mesmo que alguém se esqueça de avisar sobre a conclusão da sua parte, o próximo time pode continuar a produção.

Além disso, você conta com uma gestão baseada em indicadores e métricas. Desse modo, pode identificar constantemente os gargalos de produtividade e eficiência para otimizar a produção.

Responsividade às condições do mercado

Como você deve ter percebido, as informações estratégicas são essenciais para melhorar os resultados industriais. Por isso, os ERPs também contam com ferramentas de análise de dados em tempo real para que a sua empresa estime, planeje, ajuste e responda melhor às demandas do mercado.

Gestores e executivos podem contar com relatórios periódicos gerados pelo sistema automatizado para entender o volume de vendas, o aumento da demanda de alguns produtos, a estagnação de alguns deles no estoque etc. Desse modo, é possível prever algumas variações do mercado e capitalizar tendências de compra dos seus clientes para adaptar a produção ao que eles querem em tempo real.

Tomada de decisão estratégica

Com todas essas informações estratégias, sua empresa certamente pode ter um processo de tomada de decisões aprimorado. O ERP fornece dados detalhados e visibilidade aos processos de negócios. Assim, em vez de decidir com base na intuição dos gestores, é possível fazer escolhas certas, pontuais e rápidas. Afinal, a gestão sempre terá em mãos os principais indicadores de performance, como vendas gerais, margem de vendas e de lucro etc.

Como a automação será o guia da evolução industrial nos próximos anos?

Como você deve ter percebido, muitas tarefas manuais foram automatizadas pelos ERPs. Em vez de gastar recursos e o tempo precioso da sua equipe em tarefas repetitivas, é possível delegar as tarefas aos softwares. A grande vantagem é que elas se integram facilmente a outras ferramentas digitais, e talvez possam se comunicar com os robôs da sua linha de montagem.

Todavia, para ter todos os benefícios dos ERPs, sua empresa deve contratar um fornecedor e uma consultoria especializada no assunto. Desse modo, você poderá personalizar o software às necessidades do seu negócio, evitando a contratação de ferramentas inúteis e garantindo que o seu negócio tenha todas as funcionalidades de que necessita.

Além disso, você poderá contar com um treinamento adequado para a sua equipe manipular corretamente o sistema.

A automação nas indústrias é imprescindível, mas ela não pode ser feita às pressas e de qualquer jeito. Ela deve ser planejada para que você obtenha os melhores benefícios de todas as funcionalidades. Para isso, a Uppertools oferece uma consultoria completa com todos os treinamentos necessários para afinar o seu pessoal com o ERP SAP, o melhor do mercado atualmente.

Tem interesse em implementar essa solução na sua indústria? Então, entre em contato conosco!