Como fazer a programação da produção de forma automatizada?

Saiba a importância de ter visão geral de todos os processos da empresa!
30 de janeiro de 2019
Como fazer uma boa gestão de desempenho e produtividade?
5 de fevereiro de 2019

Manter-se competitiva é o objetivo de toda empresa. Para isso, é essencial que sua produção seja eficaz. Nesse contexto, planejar, programar e controlar os processos produtivos de modo eficiente e otimizado ajuda a garantir sua sustentabilidade e seu crescimento.

As decisões tomadas devem, então, permitir definir o que, quanto, quando produzir, comprar e entregar. Isso pode ser feito com as técnicas de Planejamento, Programação e Controle da Produção (PPCP). Seu objetivo é conciliar oferta e demanda com base em planejamento, programação e controle.

A partir das informações da programação da produção, a empresa pode tomar decisões para harmonizá-la com as vendas. Assim, é capaz de gerenciar seu sistema produtivo de modo a fazer que ele atenda às necessidades e às expectativas dos consumidores.

Quer compreender como a programação da produção pode melhorar os processos da sua organização? Continue a leitura!

O que é programação da produção

É a técnica de PPCP que permite determinar o que vai ser produzido, em qual quantidade e como, além de definir quem vai conduzir o processo e quando ele será feito. É a programação da produção que faz todas essas variáveis interagirem de forma harmônica.

De maneira genérica, o PPCP abrange as etapas antes, durante e depois do processo produtivo. O objetivo é que haja máxima eficiência e eficácia. A empresa deve implantar esse sistema e otimizá-lo constantemente. Suas fases são:

  • planejamento estratégico da produção: com base na previsão de vendas e na disponibilidade de recursos financeiros e produtivos, estabelece-se o plano de produção. A ideia é maximizar os resultados das operações e minimizar os riscos nas tomadas de decisão;
  • planejamento-mestre da produção: é nele que são apresentadas as fases de programação e execução das atividades operacionais;
  • programação da produção: informa quando e quanto comprar e produzir no curto prazo com base nas ordens de compra, montagem ou fabricação e de acordo com a estratégia de administração de estoques, sequenciamento e emissão e liberação de ordens;
  • acompanhamento e controle da produção: serve para garantir que o programa de produção seja executado conforme o planejado. Para isso, faz a coleta e a análise de dados, bem como identifica desvios o mais rápido possível, para que sejam tomadas medidas corretivas quando necessário.

Qual a sua importância

O PPCP é crucial no planejamento e no controle dos recursos do processo produtivo. Ele recebe informações sobre estoques existentes, vendas previstas, linha de produtos, maneiras de produzir, capacidade produtiva e outras, e as transforma em ordens de fabricação.

Assim, quando usa PPCP, a empresa tem o sequenciamento detalhado das atividades que devem ser realizadas, bem como que recursos serão utilizados e quando precisam ser iniciadas. Dessa forma, permite que produtos específicos sejam produzidos por métodos determinados para atender às vendas preestabelecidas.

Para isso, ele informa sobre os recursos da produção (pessoas, equipamentos, instalações, materiais, ordens de compra e produção) e define como agir de forma eficaz. Desse modo, a organização tem as informações necessárias para atender às necessidades dos clientes e melhorar seus processos.

O PPCP deve, então, envolver todas as áreas da companhia. Isso significa que todas as decisões tomadas podem sofrer influências que reflitam em outras áreas da organização. É essencial, portanto, que a empresa compreenda que o resultado do sistema é o reflexo de sua interação com o todo.

Quais são os benefícios de usar PPCP

Os benefícios do uso de PPCP na indústria são bastante abrangentes. Conheça alguns deles a seguir!

Mensuração da ociosidade

O PPCP permite medir as taxas de ociosidade de máquinas e equipamentos na companhia. Além disso, confirma os erros cometidos na aquisição de materiais. Dessa forma, é possível corrigir perdas de eficiência e imobilização do capital de modo a equilibrar a saúde financeira da empresa.

Aumento da produtividade

Quando a produção é programada de forma adequada, toda a cadeia produtiva ganha: são eliminados atrasos, pendências e gastos indevidos. Isso porque há o estabelecimento de prioridades para a manufatura com base em prazos de entrega, volumes, fluxo logístico, gestão da qualidade e capacidade de atendimento dos fornecedores. Evitam-se, assim, paradas na produção e estoques intermediários.

Tomadas de decisão

Os relatórios e as estatísticas fornecidos pelo PPCP auxiliam as tomadas de decisão. Afinal, a partir deles, a companhia pode estabelecer um alinhamento entre produção e vendas, já que ele padroniza e sistematiza todo o processo produtivo, de forma a garantir mais segurança, conformidade e agilidade a um custo menor.

Como aplicá-lo de forma eficaz

O primeiro passo para garantir que a aplicação do PPCP será eficaz é criar um roteiro de produção — com a definição da engenharia de processos de cada produto. Ele deve ter como base um estudo do processo produtivo e contemplar equipamentos e sequenciamentos, bem como os tempos de processamento e de setup.

É essencial, ainda, que se usem indicadores. E eles devem ser bem claros para todos os envolvidos: a equipe tem que ser mantida sempre bem informada para reforçar o engajamento dos profissionais. Deve-se abordar toda a programação e as metas a serem atingidas.

Ter um calendário de produção, já com as informações sobre feriados e férias coletivas, ajuda a medir a capacidade produtiva da empresa mês a mês. Assim, é mais fácil aprovar as horas extras ― que representam um aumento significativo nos custos operacionais e, por isso, devem ser planejadas com atenção. A depender da situação, pode ser melhor criar mais um turno de trabalho para limitar as despesas.

Uma das formas mais eficazes de fazer o PPCP é usar sistemas especializados que façam a programação da produção de forma rápida, prática e precisa. A automação dessas atividades permite que a equipe se dedique a tarefas mais estratégicas em vez de ter que reservar tempo para fazer todo esse processo manualmente.

Em resumo, a programação da produção é essencial para empresas que buscam um uso mais racional dos recursos e uma aplicação mais eficaz deles em seus processos produtivos. Com uma ferramenta adequada, o PPCP se torna mais dinâmico e preciso para a companhia.

E aí, já se sente preparado para fazer o planejamento, a programação e o controle da produção na sua empresa? Venha entender, então, o que é o planejamento de necessidades de materiais (Material Requirement Planning – MRP), no e-book que preparamos sobre o tema. Boa leitura!